7 Tipos de Empréstimos

Tipos de Empréstimos

Tipos de empréstimos. Conheça agora os diferentes tipos de empréstimos e saiba qual se encaixa melhor no seu perfil.

É mais do que normal recorrermos a empréstimos para quitar dívidas ou lidar com urgências que possam surgir.

O empréstimo é a primeira alternativa para quem está precisando de dinheiro com urgência. Ele pode ser pedido para uma instituição financeira, para um amigo ou parente.

Tipos de empréstimos

O empréstimo pessoal é o mais utilizado podendo ser contratado diretamente nas instituições financeiras ou pela internet.


As taxas cobradas pelos bancos fariam de acordo com o valor e o prazo de pagamento e demais tarifas operacionais.

Atualmente existem inúmeros tipos de empréstimos e cada um oferece um tipo de vantagem ou desvantagem.

Por isso fizemos uma relação abaixo falando sobre cada um deles. Leia com atenção e veja qual é o melhor para você.

Empréstimo consignado

Nesta modalidade de empréstimo as taxas de juros cobradas são bem inferiores ao que é cobrado no caso do empréstimo pessoal, por exemplo.

O limite máximo para pagamento mensal é de, no máximo, 30% referente ao valor do salário do solicitante e o pagamento das parcelas é feito pelo desconto em folha.


Empréstimo por penhor

Este sistema de empréstimo é bem simples: o cliente cede um bem (geralmente jóias) para a Caixa Econômica Federal que avalia o custo e concede um valor.

Os juros são maiores que os demais tipos de empréstimos e assim que o valor for pago o bem será devolvido ao cliente.

Refinanciamento de imóvel

Trata-se de uma modalidade mais burocrática, mas com juros baixos e longo prazo para pagamento.

O cliente solicita o empréstimo junto a instituição financeira e da como garantia o imóvel, casa ou apartamento.

O imóvel fica no nome da instituição financeira e, caso a divida não seja quitada o proprietário acaba perdendo o imóvel.

Antecipação 13 salário

Está modalidade é como você recebesse o 13 salário antecipado. Os juros costumam ser baixos.

Cheque especial

Esse é um dos tipos de empréstimos que mais se assemelha ao pessoal em termos de vantagens e desvantagens.

A principal diferença é que, nesse caso, não é necessário haver a contratação. Fique atento(a) às cobranças de juros, que também costumam ser bastante abusivas.

Normalmente, os bancos já o liberam em forma de limite embutido na conta corrente e ele pode ser utilizado a qualquer momento.

Tipos de empréstimos pessoal

Essa modalidade é solicitada a um banco ou agência financeira, mediante assinatura de contrato. Antes que o contrato seja aprovado, é necessário realizar uma avaliação completa da documentação fornecida pelo solicitante.

A contratação costuma ser feita de forma bem ágil e é bastante acessível. Contudo, é necessário estar atento às taxas de juros que são cobradas — e podem ser bem altas — e ao prazo para pagamento.

Tipos de empréstimos rotativo

O empréstimo rotativo está ligado ao uso do cartão de crédito. Se o valor pago na fatura é inferior ao valor total, automaticamente o usuário pega emprestado o valor restante com o banco para pagamento.

Por sua vez, o banco realiza o pagamento desse valor, mas ele é cobrado nas próximas faturas, com juros que costumam ser bem abusivos.

A vantagem é a flexibilidade para pagamento e evitar que o usuário seja inserido em serviços de proteção ao crédito.

Esse tipo de empréstimo deve ser evitado a todo custo, em virtude das taxas de juros estratosféricas que são cobradas quando ele é ativado.

Gostou das dicas? Então compartilhe com o máximo de pessoas que você conhece e cadastre-se abaixo para receber mais dicas.

RECEBA GRATUITAMENTE

Digite seu endereço de e-mail para receber grátis novas publicações por e-mail.

Junte-se a 60 outros assinantes